pega aquele vinho deixa eu respirar, rasga o calendário, o tempo é o seu lugar... pode vir com tudo
©